Porque resolvi escrever um livro

Tempo de leitura: 2 minutos

Amigos e parentes sempre me incitavam a escrever um livro pois gostava de contar histórias de viagens passadas e tinha o maior cuidado na produção e organização das fotos e filmes, como forma de reviver os momentos e também para trazer mais adrenalina às minhas histórias.
Eu não sabia por onde começar e nunca acreditei que minha história seria interessante suficiente para alguém querer ler. Só família e amigos mesmo.
Só que, no Natal de 2013 a Dani, minha esposa, me deu de presente um cartão da Sandra Mello que é escritora e roteirista e que faz livros de 10 contos sobre uma pessoa que quer imortalizar algumas passagens de sua vida ou mesmo escrever um livro.
Logo na primeira entrevista com a Sandra, ela me disse que não havia a menor chance de escolher 10 histórias. O ideal seria escrever um livro mesmo. Aceitei no intuito de registrar tudo enquanto a memória não começasse a me trair e um ano e meio depois tínhamos um livro que era a essência de 30 anos de viagens e aventuras. Mas estava na primeira pessoa com a linguagem da Sandra. Resolvi reescrever tudo com a minha linguagem. Seis meses depois estávamos com tudo pronto e devidamente corrigido pela Sandra.
Na direção de arte do livro tive o prazer de contar com o trabalho da Patricia O. Ferraz, a querida Pati. Amiga de infância da Dani e que me conhece muito bem. Fez o livro visualmente ter a minha cara. A combinação do resultado Sandra/Pati me encorajou a ver como estranhos reagiriam ao livro.
Para minha surpresa, a Book Partners analisou a obra, gostou bastante e quis distribuí-la no Brasil todo e disponibilizá-la também na Amazon, o que vai acontecer daqui a pouco, em meados de agosto.
Na sequênciafui recebendo críticas muito favoráveis de pessoas que leram por recomendação de amigos e parentes e deram um feedback espontâneo mais motivador ainda.
Quando percebi, estava sendo entrevistado em programas de rádio e revistas de viagem.
Só posso agradecer a Dani, a Sandra e a Pati pois sem elas nada disso teria se realizado.
Boa viagem!

3 Comentários


  1. Esse é o meu grande irmão!
    Parabéns, e continue sendo esse super homem, irmão, filho, pai , marido e patrão bom, magnânimo e altruísta que você é, para orgulho de toda nossa família e amigos no mundo todo.

    Teu irmão que te admira para c……aramba!

    Responder

    1. Oi, Vera!
      Que bacana que vai seguir nossa trilha. Por favor, cadastre-se no site para receber dicas incríveis.
      Abraço.
      Equipe Tripzahr

      Responder

Deixe uma resposta para Lucien Remy Zahr Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *